Saiba como fazer descarte e coleta de lixo durante a pandemia

6 minutos para ler

A pandemia causada pela COVID-19 exige muitos cuidados para que a doença não se propague, principalmente os relacionados ao descarte e coleta de lixo. Dessa forma, é possível combater a contaminação pelo vírus e garantir a saúde e proteção de todos — em especial, dos profissionais que se arriscam zelando pelo bem das pessoas e das cidades.

Dito isso, é necessário que todos, ao descartarem o lixo doméstico, tomem uma série de cuidados de prevenção. São medidas essenciais que visam controlar os fatores de risco e evitam a disseminação da doença.

Nos condomínios, esses cuidados devem ser repassados aos condôminos, para que todos saibam a forma correta de descarte de lixo doméstico — mesmo que não haja ninguém contaminado, trata-se de uma forma de prevenção.

Neste artigo, você vai saber como agir de forma correta em relação ao descarte e coleta de lixo. Continue conosco e confira!

Quais as principais medidas de prevenção?

Apesar de todos os tipos de mídias repetirem, a todo instante, sobre as medidas básicas de prevenção contra a COVID-19, ainda assim, é sempre bom ressaltar que elas devem continuar, até que a tão esperada vacina esteja pronta e possa proteger, de fato, a todos. Veja:

  • lavar as mãos com frequência, usando água e sabão ou higienizar com álcool gel;
  • manter sempre uma distância segura de qualquer pessoa;
  • não tocar no nariz, boca e olhos;
  • se tossir ou espirrar, leve o cotovelo à boca;
  • usar máscaras, sempre que precisar sair de casa;
  • ficar em casa, se puder, principalmente se estiver indisposto;
  • evitar ir a clínicas e hospitais, desnecessariamente.

Como agir em relação ao descarte e coleta de lixo?

É desafiador para todos manter uma conduta de descarte de lixo. A gestão dos resíduos deve ser feita de forma correta, para que não reflita na propagação do vírus. Veja o que fazer ao descartar o lixo:

  • todas as vezes que abrir a lixeira, usar um spray com 50 ml de água sanitária diluída em um litro de água e borrifar o conteúdo do saco;
  • após fechar o saco de lixo, borrifar mais uma vez o interior da lixeira e, ao lacrar o saco, borrife por fora;
  • utilizar dois sacos de lixo para proceder com o descarte. Após isso, lacrar e borrifar o exterior do segundo saco;
  • colocar os objetos cortantes em caixas de papelão ou no interior de garrafas pets;
  • procurar respeitar o horário de coleta, descartando o lixo no horário adequado;
  • havendo alguém com a doença, outra pessoa deverá se encarregar do lixo e fechar bem o saco;
  • se usar máscara descartável, não a colocá-la diretamente no lixo. Antes, deposite-a em um saco plástico e feche bem. Ela deve ser descartada no lixo rejeito.

Como é a situação de coleta de lixo em condomínios?

O descarte de lixo em condomínios precisa atender a algumas exigências, como determinar o horário para a organização do lixo do prédio. Veja algumas dicas, que apesar de serem simples, tornam o processo mais prático e rápido!

Separar os diferentes tipos de lixo

Organizar todos os itens a serem descartados por tipos requer um trabalho a mais, porém, é fundamental. Ter lixeiras de coleta seletiva no condomínio é essencial para esse trabalho e, certamente, agilizará e tornará tudo mais organizado na hora do descarte.

Um local apropriado para acondicionar o lixo que é orgânico e o que não é facilita, tanto para quem separa, quanto para quem o recolhe. O morador deve colaborar também, depositando o lixo correto no local apropriado. Se todos fizerem a sua parte, o trabalho terá um bom resultado.

Respeitar os dias de coleta do local

É comum que em cada bairro existam dias e horários específicos de coleta. Para conferir os dias de sua área, é só entrar em contato com a prefeitura de sua cidade — eles fornecem o horário e os dias que coletam na região de sua residência. É muito importante que o síndico de cada condomínio informe a todos os moradores, visto que pode ocorrer multa, caso os dias de descarte não sejam respeitados.

Definir locais de descarte

É de extrema importância, principalmente neste período de pandemia, que o lixo não se acumule. Em alguns condomínios, existem locais específicos, o que evita situações de acúmulo exagerado, que pode gerar mau cheiro, acúmulo de lixo e outros inconvenientes.

Conscientizar os moradores

De nada adianta muita organização e esquemas para facilitar e manter o condomínio limpo e cheiroso se não houver a participação e conscientização dos condôminos. Sendo assim, para haver um descarte correto, respeitando-se as regras, é necessário que todos se empenhem. Uma boa forma de conscientizar os moradores é por meio de cartazes, por lembretes no mural digital ou, mesmo, no quadro de avisos do condomínio.

Hoje, existem empresas que oferecem soluções condominiais de todo tipo, entre elas a limpeza. São equipes de especialistas em higienização personalizada para o seu condomínio, que estão sempre prontas para qualquer desafio.

O que fazer com o lixo em caso de morador de condomínio infectado?

Os profissionais que trabalham na linha de frente contra a COVID-19 precisam da colaboração e conscientização de todos — são eles os agentes de limpeza pública, assim como outros coletores de lixo. Por isso, é importante que todos tenham consciência de que o lixo produzido por nós pode ser um agente infectante para essas pessoas, se não forem descartados apropriadamente.

Diante disso, há necessidade de um rigor maior nos cuidados, no caso de pessoas infectadas pela COVID-19 ou que são suspeitas de estarem com a doença, que moram em condomínio. Dessa forma, o material descartado pelo morador deve conter uma identificação como lixo infectante — podendo ser anotado no próprio saco ou mesmo etiquetado. No entanto, no momento da coleta, o profissional deve ser informado sobre o descarte.

Como você conferiu neste post, os cuidados com o descarte e coleta de lixo durante a pandemia merecem muita atenção. Principalmente, para não provocarem contaminação em pessoas que trabalham na linha de frente no combate à COVID-19 e, por isso, merecem muita consideração por parte de todos.

Gostou deste conteúdo? Então, se você busca resolver questões desse tipo, entre em contato conosco, temos muitas soluções condominiais que podem contribuir com sua gestão!

Você também pode gostar

Deixe um comentário