Reconhecimento facial nas portarias: vantagens na segurança do condomínio

3 minutos para ler

Não há como negar que os avanços tecnológicos como o reconhecimento facial, contribuem em vários aspectos no cotidiano das pessoas, e a segurança, certamente, não fica de fora. A cada dia surgem soluções para as mais diversas finalidades, tornando os espaços cada vez mais protegidos.

Dentre os sistemas de automação utilizados em condomínios, o reconhecimento facial tem se destacado bastante, principalmente por ser um recurso de identificação simples, rápido e seguro. Certamente conhecido também por biometria facial, é visto como uma excelente solução para lugares onde há grande circulação de pessoas.

Então neste post, vamos falar sobre esse recurso de identificação cada vez mais utilizado em vários espaços e suas principais vantagens. Confira!

O que é e como funciona o controle de acesso por reconhecimento facial?

Trata-se de um sistema de automação que garante segurança no controle de entrada e saída de pessoas autorizadas. Portanto na maior parte das vezes é utilizado em locais com grande circulação, como portarias de condomínios, colégios, centros comerciais, entre outros.

É feito por meio de um sistema no qual há um banco de dados com fotos colhidas e armazenadas. Todos que entram no espaço passam por um mapeamento feito pelo sistema de biometria facial em que são identificadas as características das pessoas de forma rápida e segura.

O método de identificação ocorre por intermédio de câmeras IP comuns, que têm, pelo menos, 1 megapixel de definição. Após a imagem ser capturada, o programa faz uma análise das características e identifica se há ou não aquele rosto na base de dados — liberando ou não o acesso.

O programa, rapidamente, cruza os dados contidos no sistema para chegar ao resultado. Alguns sistemas contam com recursos mais avançados que permitem, por meio de códigos antifraude, reconhecimento mesmo em situações de alterações na aparência, como:

  • presença de barba;
  • utilização de óculos;
  • mudança no corte de cabelo;
  • máscaras, entre outros.

Além disso, softwares mais sofisticados utilizam luz infravermelha para casos de baixa luminosidade, bem como recursos que anulam ruídos da imagem, como farol alto e brilho do sol.

Quais são as vantagens do sistema de reconhecimento facial?

A utilização do controle de acesso por reconhecimento facial garante algumas vantagens para a gestão do condomínio. Veja as principais:

  • praticidade e rapidez — o sistema identifica rapidamente as pessoas;
  • menos riscos de falhas — sistema seguro com poucas possibilidades de falhas;
  • instalação rápida — o processo de implementação leva de 7 a 30 dias;
  • sem contato físico — garantindo mais higiene;
  • segurança — frustra tentativas de invasão, mesmo em esforço de se passar por determinado morador.

Quais são as principais funcionalidades?

Cabe à administração do condomínio discutir as melhores formas de uso, que podem ser:

  • definição de horário de entrada em determinadas áreas;
  • criação de listas de moradores;
  • criação de listas de exclusão;
  • vinculação de pessoas a grupos de condôminos, entre outras.

Conforme você conferiu neste conteúdo, o sistema de reconhecimento facial é uma solução que pode ser facilmente implementada em seu condomínio. Trata-se de mais uma inovação tecnológica que atua com muita eficácia para garantir mais segurança aos espaços muito frequentados!

Se você gostou deste post, curta nossa página no Facebook e tenha acesso a outros conteúdos tão interessantes quanto este!

Você também pode gostar

Deixe um comentário