Quer saber como otimizar o controle de acesso? Veja aqui!

6 minutos para ler

Quem trabalha com a gestão de prédios comerciais e residenciais sabe a importância de se otimizar o controle de acesso. Essa é uma prática que precisa ser aplicada continuamente. Afinal de contas, está diretamente relacionada à segurança dos moradores do local.

A otimização da política de controle de acesso a um prédio pode ser feita por meio de várias atividades. Elas vão desde o treinamento das equipes às ferramentas utilizadas. Em conjunto, essas práticas tornam o ambiente mais preparado para lidar com qualquer tipo de risco.

Quer saber mais sobre o tema e como otimizar controle de acesso do seu prédio? Então, confira o post a seguir!

Por que o controle de acesso é importante?

A política de controle de acesso é utilizada por gestores de prédios, para impedir que pessoas não autorizadas tenham acesso a um ambiente. Ela tem como foco garantir a segurança de todos os que frequentam um condomínio. Por isso, ela deve sempre ser estruturada com cuidado e de modo abrangente.

Quando bem-feita, a política de controle de acesso ajuda síndicos a evitar que pessoas tenham acesso a lugares que elas não deveriam frequentar. Ou seja, garante que o lugar se manterá seguro e confiável.

Em ambientes empresariais, ela também pode evitar roubos de dados corporativos. Já, em momentos como o atual de pandemia, ela pode ser vista como um mecanismo de prevenção: sem pessoas circulando em ambientes indevidamente, os riscos de contaminação serão muito menores.

Como o controle de acesso pode ser otimizado?

A otimização do controle de acesso, como vimos, se dá por meio de várias atividades. Elas precisam ser pensadas conforme o fluxo de trabalho do local e as normas internas. Confira, a seguir, os passos básicos para adotar esse processo e garantir a segurança do seu prédio!

Investir em uma portaria remota

A portaria remota é uma das melhores formas de otimizar o controle de acesso a um prédio. Essa solução torna o controle de circulação mais eficiente e econômico. Além disso, minimiza as chances de invasões ocorrerem, com o apoio de tecnologias como:

  • tags de validação de identidade;
  • reconhecimento facial;
  • biometria;
  • monitoramento contínuo por profissionais especializados;
  • sistemas de registro de acessos.

Soluções de portaria remota, normalmente, são acompanhadas de ferramentas para o monitoramento de todo o prédio. Assim, você pode substituir uma equipe de porteiros por um time de especialistas, capazes de identificar problemas, em tempo real. Tudo isso, gastando menos e conseguindo direcionar a sua atenção para as rotinas críticas de um condomínio.

Treinar os colaboradores

O treinamento dos colaboradores é um dos pontos básicos para qualquer política de controle de acesso. O time de seguranças, porteiros e profissionais que lidam com o público precisam estar com os seus conhecimentos alinhados. Assim, todas as regras e ferramentas serão utilizadas de modo abrangente.

Por isso sempre faça treinamentos com sua equipe. Eles devem focar nas boas práticas que podem ser utilizadas e no alinhamento de conhecimentos. Assim, garantir que erros não sejam cometidos será muito mais fácil.

Ter normas de acesso claras e objetivas

Prédios e condomínios devem ter todas as suas regras de controle de acesso documentadas, de modo claro e objetivo. Isso ajuda no rastreamento de rotinas que não foram feitas do modo correto. Além disso, reduz o tempo de treinamento dos profissionais.

Com dados claros e de fácil acesso, toda a equipe poderá validar o modo correto de executar um procedimento, em pouco tempo. Além disso, o síndico terá um meio simples de identificar o que pode ser otimizado, conforme as suas necessidades mudam. Desse modo, o nível de qualidade dos processos executados será sempre elevado.

Contar com o apoio da tecnologia para ambientes sensíveis

Novas tecnologias podem ser empregadas em todos os processos de controle de acesso. O seu uso vai além da portaria remota: a Internet das Coisas e câmeras IP ampliam o controle do acesso a ambientes, sem aumentar custos com pessoal.

A partir de sensores eletrônicos conectados em rede, validadores de acesso digitais e câmeras IP, o porteiro pode acompanhar o fluxo de pessoas em todos os ambientes do prédio, de um único lugar. Isso dá uma habilidade muito maior para a equipe evitar invasões. Afinal, o controle sobre todos os ambientes será feito de modo contínuo.

Como a portaria remota ajuda no controle de acesso?

A portaria remota é uma solução que traz um grande número de impactos positivos para a gestão de condomínios. Confira, a seguir, os três principais e como eles influenciam no dia a dia do síndico!

Mais comodidade

A portaria remota incorpora novas tecnologias para o dia a dia dos moradores. O seu acesso poderá ser validado com tags, biometria e reconhecimento fácil. Isso traz mais comodidade para a sua rotina: mesmo que esteja sem a chave, o seu acesso será garantido, com facilidade.

Aumento da segurança

Utilizando a portaria remota, o nível de segurança do condomínio será garantido, de uma maneira muito mais efetiva. Não existirá o risco de um porteiro ser assediado por criminosos, por exemplo. Ao mesmo tempo, o monitoramento do acesso será feito 24 horas por dia, por pessoas especializadas.

Economia de recursos

Investir na portaria remota também é uma forma de reduzir custos. Afinal de contas, o prédio deixará de contar com uma equipe de porteiros e seguranças. Isso elimina os gastos com salários, contabilidade e pagamento de tributos trabalhistas, sem comprometer a qualidade do controle de acesso.

A segurança de prédios é um processo que deve ser pensado em caráter permanente. Ela é a base para garantir ambientes seguros e confiáveis. Mas, isso demanda planejamento e foco em resultados.

Por isso sempre que for otimizar controle de acesso de um prédio, o síndico deve estar preparado para investir em novas tecnologias e renovar as rotinas internas. O uso de um porteiro remoto, nesse sentido, é uma das melhores alternativas. Com ele, pode-se minimizar riscos, evitar o excesso de despesas e garantir que somente as pessoas certas terão acesso aos ambientes internos.

Quer saber mais sobre como a portaria remota pode te ajudar? Então, fale com a gente!

Você também pode gostar

Deixe um comentário