Como deve ser feita a gestão de consumo nos condomínios?

como-deve-ser-feita-a-gestao-de-consumo-nos-condominios
6 minutos para ler

A ideia central, quando pensamos em um condomínio, é um espaço com vários imóveis. Justamente, por ter essa configuração, alguns componentes de sua estrutura — que são, por padrão, separados —, são cobrados de maneira coletiva. É o caso do sistema de abastecimento de água. Então, vamos falar sobre a gestão de consumo.

O problema é que esse tipo de situação dá margem para uma cobrança injusta para os condôminos. Assim, o ideal, é a separação por imóvel, além de uma gestão de consumo responsável.

Pensando nessa questão, neste post, vamos falar sobre como deve ser feita a administração desse consumo. Confira!

Qual é a importância da cobrança individualizada de água e luz no condomínio?

Obviamente, a conta não parece justa quando todos pagam pelo consumo, como um todo. Afinal, temos diferentes indivíduos morando em um condomínio. Por exemplo, um casal pode se ver obrigado a pagar o mesmo valor que uma família maior, gastando muito mais do que precisa.

Sendo assim, fica claro o quanto a cobrança individualizada é uma forma de evitar esse tipo de injustiça. Além disso, assim é possível garantir uma melhor precisão na administração do consumo de cada condômino.

O que diz a legislação?

Há quase duas décadas que a individualização do consumo é uma discussão legislativa. Durante os anos anteriores, a maioria dos prédios eram construídos de forma que a cobrança fosse coletiva. Em 2016, o então presidente, Michel Temer, sancionou a lei 13.312 que obriga os empreendimentos construídos a terem hidrômetros individuais, a partir de 2021.

Como funciona a leitura mensal hoje em dia?

Atualmente, a leitura dos hidrômetros pode ser feita de duas formas: a distância ou presencial. Na primeira, o prédio contrata uma empresa que é especializada em fazer a medição de forma remota, automaticamente. O próprio sistema do aparelho manda as informações diretamente, assim que o prazo de coleta do consumo termina, gerando os dados para a cobrança.

Agora a segunda é a que já conhecemos, em que o profissional da empresa que fornece água vai até o local e captura as informações referentes ao consumo. Essa não é tão recomendável para condomínios, pois tem maiores chances de erros.  

Quais são os cuidados na hora de contratar uma empresa de individualização de hidrômetros?

Como podemos ver, a individualização de hidrômetros permite uma cobrança mais justa e maior precisão para a gestão de consumo do condomínio. Entretanto, a instalação — principalmente, em prédios mais antigos — necessita de alguns cuidados, com ênfase no que diz respeito à escolha da empresa e do sistema. Neste tópico, vamos apresentar o que você precisa analisar na hora de decidir.

Preço

Esse é um dos fatores fundamentais para quem quer contratar qualquer tipo de serviço, e óbvio que na instalação de hidrômetros individualizados não seria diferente. O principal detalhe aqui não é escolher a opção com menor valor, mas sim verificar se a companhia atende aos requisitos necessários.

Na hora de definir se uma prestação de serviço é cara ou barata, destacamos a importância de analisar a reputação da empresa. No mais, é importante também saber o que ela oferece, como funciona o seu suporte, o sistema de leitura e muitas outras informações que te ajudarão a definir se vale ou não a pena.

Tipos de sistema de leitura

Uma informação crucial para a instalação dos hidrômetros é conhecer os modelos de sistemas disponíveis. Existem três, e cada um oferece um mecanismo de medição diferente, servindo para determinados tipos de prédios. Por isso mesmo, costumam ter preços variáveis, sobre o que vamos falar mais a seguir.

Radiofrequência

Nesse tipo, não há a necessidade de fio para a medição do consumo — as informações são transportadas do aparelho para a central, por meio de radiofrequência. A vantagem é justamente que não há necessidade de fazer obras ou instalar cabos. Isso pode fazer toda a diferença para condomínios mais antigos, além disso, não é preciso muita manutenção ou algum sistema de suporte.

Digital

Aqui, cada apartamento tem o seu próprio hidrômetro que deve ficar na entrada. A leitura, assim como na radiofrequência, é feita a distância. O sistema faz a análise de consumo e manda os dados para a empresa de cobrança.

Essa é uma tecnologia um pouco mais complicada de se ter no prédio, pois exige adaptações no imóvel. É necessário realizar obras no local, portanto, não é muito recomendado para prédios mais antigos. Além disso, se a tubulação for de cobre, o preço da instalação pode ser maior que aquela feita de PVC.  

Leitura pulsada

Por último, temos a leitura pulsada, em que é instalado um hidrômetro diretamente na tubulação. A cada litro de água, são enviadas as informações para o painel. Além disso, também é possível instalar um bloqueador para cortar o fornecimento de quem não pagou.

Suporte

A disponibilidade de suporte é um fator fundamental para qualquer instalação feita em um condomínio. Quando se trata de obras que interferem diretamente na parte estrutural do prédio, é importante que a empresa prestadora de serviço tenha condições de oferecer um suporte adequado.

No caso da instalação de hidrômetros, é preciso que ela tenha seus próprios engenheiros e disponibilize o documento ART (Anotações de Responsabilidade Técnica) para o síndico, que especifica as diretrizes do sistema instalado.

Como a Embracon Condomínios pode ajudar nessa questão?

Um fator muito importante para ter uma gestão de consumo eficiente é contar com uma administração igualmente eficaz. Saiba que é possível tornar o gerenciamento do imóvel mais profissional, contratando uma empresa capaz de cuidar de todos os processos do edifício.

Esse é o caso da Embracon Condomínios, uma empresa que está há quase 30 anos entregando soluções para edifícios de diversos tamanhos. São oferecidos serviços como gestão completa, portaria remota e humana, sistemas de segurança e vigilância, financiamentos e muitos outros.

Até aqui, falamos sobre como a gestão pode ser uma iniciativa fundamental para lidar melhor com o consumo de água no seu edifício. Isso, principalmente, para resolver uma questão bastante importante que é a individualização de hidrômetros. 

Afinal, esse é um trabalho que exige cuidado e planejamento para evitar transtornos, inclusive, estruturais. Nesse sentido, é muito importante contar com uma empresa especializada que te ajudará a fazer todos os processos — da instalação à administração, da maneira mais correta possível. 

Caso você esteja procurando uma empresa que ajude a administrar melhor a rotina do seu condomínio, convidamos a conhecer os nossos serviços!

Você também pode gostar

Deixe um comentário